São dezesseis candidatos dos quais cinco serão eleitos e cinco ficarão como suplentes

            O CMDCA – Conselho Municipal de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente, com apoio da Prefeitura Municipal, através da SUAS – Secretaria de Assistência Social e Ação Comunitária, está se preparando para a eleição dos novos conselheiros tutelares, que vão atuar pelos próximos quatro anos em Jacutinga. A eleição dos novos conselheiros vai ocorrer de forma unificada em todo o País, no dia 4 de Outubro.

            Visando preparar o processo eleitoral em Jacutinga, o Secretário de Assistência Social, Mauri Consentino, esteve nos dias 2 e 3 de Setembro em Brasília, participando de uma oficina de capacitação sobre o Processo de Escolha Unificada dos Conselheiros Tutelares, promovida pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. Esta foi à quarta oficina organizada pela Secretaria para esclarecer os gestores municipais e representantes de Conselhos Municipais de Direitos das Crianças e Adolescentes sobre o processo de escolha dos novos conselheiros.

            Durante a oficina o Secretário Mauri Consentino apresentou as peças da campanha desenvolvida para SUAS em Jacutinga, para incentivar à população à participar da votação, uma vez que o voto não é obrigatório; porém, muito importante. Em Jacutinga, a eleição dos novos Conselheiros Tutelares vai acontecer no dia 4 de Outubro, das 8:00 às 17:00 horas, na Escola Municipal Professor Alfeu Duarte, e podem votar todos os eleitores do município que estiverem regulares junto a Justiça Eleitoral.

Uma escolha importante

            O Conselho Tutelar é o órgão responsável pelo primeiro atendimento à criança e ao adolescente, pois é responsável por defender os interesses e os direitos das crianças e adolescentes, de acordo com o que estabelece o ECA – Estatuto da Criança e do Adolescente. Daí a importância da escolha de pessoas qualificadas para compor o Conselho, que é um órgão da sociedade cuidando da sociedade. O conselheiro tutelar deve conhecer bem a doutrina e o ECA, criado em 1990, e ter desprendimento para atender as crianças e uma boa articulação institucional com outros órgãos. Confira abaixo a lista dos candidatos a uma das cinco vagas de Conselheiro Tutelar em Jacutinga:

N.º 01  –           Rita Eugênio de Souza

N.º 02  –           Ciliane Cristina Balbino

N.º 03  –           Neto Cunha – Laércio Cunha Neto

N.º 04  –           Clark – Eli Clark de Carvalho Souza

N.º 05  –           Calango Dog’s – André de Paula Alves

N.º 06  –           Marco Antônio Ferreira

N.º 07  –           Bruna da ONG – Bruna Machado

N.º 08  –           Rita de Cássia Aparecida Norbiato

N.º 09  –           Fátima – Conceição de Fátima das Chagas

N.º 10  –           Andressa Rocha Shwarcz

N.º 11  –           Banin – Cláudio Banin

N.º 12  –           Gessica Evelyn da Silva Paiva

N.º 13  –           Vanessa Milanez de França

N.º 14  –           Risete de Carvalho Carmona

N.º 15  –           Silvio Bassi – Silvio Mendonça Bassi

N.º 16  –           Leandro de Souza Alves